O tabagismo causa perda dos dentes?

O Dia Mundial Sem Tabaco acontece em 31 de maio e foi criado pela OMS (Organização Mundial da Saúde) para conscientizar as pessoas sobre os perigos do tabagismo, assim como incentivar a interrupção e prevenção da doença.

            Muita gente pode não saber, mas o tabagismo é sim considerado uma doença crônica. Para ser mais exato, ele está no grupo de transtornos mentais e comportamentais em razão do uso de substância psicoativa, segundo o CID-10 (Classificação Estatística Internacional de Doenças e Problemas Relacionados à Saúde).

            A OMS ainda aponta que o tabaco mata mais de 8 milhões de pessoas por ano, sendo que 7 milhões dessas mortes são por conta do uso direto e o resto é por culpa da exposição ao fumo. Portanto, o cigarro afeta a vida tanto de quem é fumante quanto de quem é próximo dessa pessoa.

            Pensando neste assunto tão importante e nessa data significativa, nós decidimos explicar uma das maiores dúvidas: o tabagismo causa perda dos dentes? Além disso, iremos apresentar mais algumas informações importantes sobre o fumo. Então, fique conosco até o final!

Por que o tabagismo é tão prejudicial à saúde bucal?

            As substâncias presentes no cigarro são altamente tóxicas, principalmente a nicotina. Para você ter uma ideia, ela pode causar vasoconstrição, o que provoca a redução no calibre das veias e assim diminui o fluxo de sangue nas gengivas, nos ossos e nos ligamentos ao redor dos dentes.

            O fato da nicotina causar distúrbios no sistema imunológico piora vários outros aspectos do organismo, incluindo a boca. A cicatrização de feridas fica mais devagar, bem como a cavidade bucal fica mais vulnerável a inflamações.

Como o tabagismo causa perda dos dentes?

            Todos os fatores acima influenciam no acúmulo de bactérias, o que causa o tártaro de uma forma mais agressiva que o habitual. Dessa forma, é muito mais fácil para o fumante desenvolver uma periodontite – inflamação ou infecção nas gengivas.

            É exatamente a periodontite que pode levar o indivíduo a perder os dentes.  As pessoas que fumam têm oito vezes mais chances de terem periodontite. Além disso, a doença geralmente ocorre de modo muito mais rápido e intenso nos fumantes se não for tratada.

Em casos de não fumantes, o sintoma mais frequente da periodontite é sangramento das gengivas. No entanto, por culpa da vasoconstrição causada pela nicotina, é muito comum que os fumantes não apresentem os sintomas, o que aumenta o perigo de descobrir a doença tarde demais.

É muito frequente que a pessoa procure um dentista apenas quando o dente já está mole e nesse estágio, as chances de perder o dente são muito maiores.         

Como evitar a perda de dentes?

            A melhor forma de manter sua saúde bucal em dia e prevenir doenças periodontais é ir regularmente ao dentista. Assim, mesmo que você desenvolva a periodontite, o profissional pode diagnosticá-la e tratá-la cedo, evitando a perda dos dentes. Além disso, é essencial manter a melhor higiene bucal possível.

            Se você quiser uma clínica odontológica que visa o atendimento humanizado e empático em Brasília, precisa conhecer a clínica Odontologia Clean. Além de um ambiente acolhedor, a clínica possui profissionais que são referências nas mais diversas áreas, incluindo a periodontia.

Entre em contato para marcar uma consulta!